E-mail: rafael@turbineseusite.com.br   |   Telefone: (41) 99521-8611

Suporte 24/7

Um guia prático para fazer você construir uma experiência de marca interativa
13 de setembro de 2021

A experiência de marca interativa é uma maneira inteligente de promover um conteúdo ou um evento. Ela envolve os usuários com materiais personalizados e ajuda as empresas a se destacarem da concorrência, fortalecendo o branding.

É seguro dizer que os consumidores de hoje são sobrecarregados por publicidade aonde quer que vão. De anúncios nas redes sociais a pop-ups em serviços de streaming, sempre há alguém competindo pela atenção deles. Isso significa que é mais importante do que nunca que as empresas se destaquem da multidão. 

A maneira mais fácil de fazer isso é com uma experiência de marca interativa. Ela pode oferecer ao público uma maneira única de aprender sobre determinada empresa ou assunto, enquanto participa ativamente de uma atividade. Normalmente, as experiências de marca interativas podem variar de interações offline a quizzes, lookbooks, guias ou downloads.

Aqui está tudo o que você precisa saber sobre como construir uma experiência de marca interativa para seus clientes, e por que isso é tão importante.

O que é uma experiência de marca interativa

No universo do branding, uma experiência de marca interativa é qualquer coisa que pegue a promoção de conteúdo básico e a entregue de uma maneira que dê ao cliente-alvo uma atividade para realizar.

Isso pode ser algo tão simples, como um quiz sobre cuidados com a pele para descobrir qual produto de beleza é certo para as necessidades da buyer persona, ou uma festa virtual, em que os participantes podem interagir com outros fãs. Até mesmo conteúdo especial para download ou cartões de fidelidade baseados em aplicativo são considerados experiência de marca interativa.

O ponto principal disso? Experiências interativas de marca levam seus clientes a agir em função de algo, em vez de acessar informações passivamente.

As vantagens das experiências de marca interativas

Existem algumas vantagens em usar experiências interativas de marca como parte de uma estratégia de marketing digital mais ampla.

Ajuda a se destacar da concorrência

Especialmente, se você estiver em um nicho muito concorrido. Nem todo mundo está criando esses tipos de experiência ainda, o que significa que você será capaz de realmente atrair a atenção do seu cliente ideal em um período de tempo menor.

Dá um motivo para fazer uma troca de valor com seu cliente em potencial ou lead

Em troca de se inscrever em sua lista de e-mail, seu público recebe acesso a uma oferta especial única. Essa pode ser uma excelente maneira de crescer sua publicidade digital e expandi-la para o email marketing.

É divertido!

Quem não quer ser conhecido como a marca que torna as coisas interativas e diferentes de todas as outras empresas do mercado? Experiências de marca interativas são divertidas de criar, e ainda mais empolgantes para seu público.

6 passos para criar uma experiência de marca interativa

Agora que você sabe o que é uma experiência de marca interativa e por que ela é importante, vamos entrar no processo de realmente criar uma. A partir do momento em que você decide desenvolver uma experiência de marca interativa, a sua equipe precisa estar pronta para entregar seu melhor. 

Esse é um momento de pensar fora da caixa e garantir que o produto final tenha brilho. E, sim, os criativos em seu grupo vão adorar esse processo. Aqui estão algumas dicas sobre como fazer isso acontecer e as etapas necessárias para ter sucesso.

Primeiro passo: faça um brainstorm sobre seu mercado-alvo

O início da criação de uma experiência de marca interativa começa com a observação do seu mercado-alvo. Pense em coisas que suas personas adorariam ver, eventos que gostariam de assistir ou o que atinge em cheio seus objetivos principais.

Talvez a sua marca atenda a mães ocupadas que trabalham. Nesse cenário, você provavelmente gostaria de criar algo que possam fazer na rua ou a partir de um aplicativo de smartphone

Mas se o seu mercado-alvo são representantes de vendas B2B que viajam pelo país, a experiência de marca interativa pode ser algo presencial em uma feira. Pense nas várias maneiras de chegar ao seu público ideal e em pelo menos uma dúzia de ideias diferentes que podem funcionar, antes de reduzi-las a uma.

Segundo passo: decida sobre um tipo de mídia

A segunda etapa no processo de construção de uma experiência de marca interativa é decidir sobre um tipo de mídia. De novo, isso se resume ao seu mercado-alvo e ao que ressoa bem com seu estilo de vida. Exemplos de opções que você pode tentar incluem:

quizzes;lookbooks;cartão de fidelidade em aplicativo;flipbooks;ebooks;reuniões ou shows virtuais;aulas interativas;exposições em eventos locais.

Está vendo o elemento recorrente na lista? Todos esses itens incluem uma maneira de alguém participar da experiência, e não apenas ler passivamente um texto escrito ou assistir a um vídeo.

Terceiro passo: projete a sua experiência interativa

Agora que você teve uma ideia que ressoa com o seu público-alvo e decidiu como ela será apresentada a ele, é hora de realmente projetar a sua experiência interativa. Se você está fazendo algo para ser vivenciado pessoalmente, então, vai querer trabalhar com uma empresa de eventos especializada em sinalização, paredes de exposição e tudo o que mais for necessário para realizar sua ideia.

No entanto, se sua experiência de marca interativa for totalmente digital, existem muitas ferramentas que sua equipe pode experimentar para desenvolver a sua criação sozinho. O nosso favorito é o Ion Interactive, é claro. Mas também incluímos uma lista com as 12 melhores ferramentas de conteúdo interativo em um post do blog.

Quarto passo: faça testes

Antes de ativar totalmente uma campanha de marketing digital para sua experiência de marca interativa, teste-a primeiro com um pequeno grupo de pessoas. Isso trará o feedback adequado sobre em que pontos você pode precisar fazer alterações.

Por exemplo, digamos que você decidiu criar um quiz como parte de sua experiência. Um grupo de 50 testadores beta experimenta, em troca de um cupom de desconto para o seu e-commerce. Eles testam, mas os dados mostram que a maioria das pessoas o abandona depois de responder a apenas oito, das 12 perguntas.

Então, você pode usar pesquisas ou fazer perguntas adicionais para descobrir por que isso está acontecendo. Pode ser algo técnico, ou talvez 12 perguntas seja, simplesmente, muito longo.

Por que o teste é tão importante? Você está dedicando muito do seu tempo e orçamento para tornar sua experiência de marca interativa a melhor possível. Se existirem problemas que impeçam o usuário-alvo de aproveitá-la totalmente, você tem que saber disso antes de fazer um grande esforço para atrair tráfego.

Quinto passo: lance a sua experiência interativa

Depois de ter a oportunidade de trabalhar os detalhes mais sutis, é finalmente hora de lançar seu conteúdo interativo. E é aí que começa o verdadeiro trabalho de direcionar tráfego para ele.

Se sua experiência de marca interativa for presencial — por exemplo, em uma feira de negócios ou convenção —, certifique-se de enviar e-mails para sua lista e fazer contato com os clientes existentes para garantir que eles saibam que você estará lá.

Para experiências de marca que acontecem em determinada data ou horário, permita-se bastante tempo para se preparar para o evento e ainda lembrar aos participantes que o grande dia está chegando. O email marketing é ótimo para isso, pois você pode definir mensagens automatizadas alguns dias e alguns minutos antes do horário inicial para obter um melhor comparecimento geral.

Por fim, uma experiência de marca interativa evergreen pode ter um grande aumento no tráfego com marketing de redes sociais, de influenciadores, publicidade paga e muito mais.

Sexto passo: obtenha feedbacks dos participantes

Para finalizar, você tem que saber o que seus clientes pensam sobre a sua experiência de marca interativa. Lembre-se de adicionar um formulário de feedback ou enviar uma pesquisa automática assim que alguém tiver participado.

Isso dará à sua equipe uma excelente visão sobre o que o público achou da sua criação e como se sente sobre a sua marca depois de participar. Também pode ser uma boa maneira de obter depoimentos para usar em ações de marketing futuras ou em outro lugar em sua estratégia de publicidade digital.

De novo, quanto mais valor você puder agregar a essa oferta, maior será a probabilidade de alguém estar disposto a participar. Em alguns casos, isso pode significar oferecer um benefício extra ou desconto para preencher a pesquisa ao final.

Os melhores exemplos de experiências de marca interativas

Parte do processo de criação da sua própria experiência de marca interativa inclui conferir o que outras empresas fizeram no passado. Embora sempre enfatizemos a adição de seu próprio toque exclusivo, analisar seus concorrentes pode ser uma ótima maneira de ver o que já está lá fora e as muitas coisas que são possíveis.

As experiências de marca que escolhemos para esta lista são nossas favoritas por vários motivos. No entanto, todas elas fazem algo que você deve se esforçar para fazer com sua própria criação, que é levar as pessoas a falarem sobre sua marca.

Gatorade

Você pode não pensar em uma empresa de bebidas esportivas como inovadora, quando se trata de experiências interativas de marca. No entanto, a Gatorade foi capaz de criar um evento pessoal exclusivo com estações que adaptavam as informações às necessidades de cada usuário, com base em tags RFID.

O resultado disso tudo foi uma experiência totalmente agradável para os participantes, que forneceram toneladas de dados de marketing para a empresa. O roadshow percorreu várias cidades dos EUA, fornecendo informações de consumidores em várias regiões.

Marvel

Para coincidir com a data de um novo lançamento dos Vingadores, a equipe da Marvel criou um quiz interativo para ajudar os espectadores a decidir com qual dos personagens eles se identificam mais. Após 14 perguntas, os usuários recebem uma pontuação e a opção de compartilhar os resultados nas redes sociais.

O resultado final dessa experiência interativa foi uma forma de fazer as pessoas falarem nas redes sociais. Quando uma pessoa compartilha que é mais como o Capitão América ou o Thor, é mais provável que seus amigos e familiares façam o mesmo. Por sua vez, isso cria um burburinho para o filme.

Team Bonding

Em uma época em que as reuniões do Zoom podem se tornar entediantes, adoramos essa ideia de uma empresa chamada Team BondingÉ um acampamento interativo em que os participantes recebem um kit de petiscos com antecedência e participam virtualmente de uma sessão de fogueira online.

Há música, jogos e diversão para todos. Como isso pode funcionar como uma experiência de marca interativa? Se o seu negócio é B2B, você pode criar um treinamento em torno de um evento semelhante, em que os participantes se inscrevam para obter acesso. É algo criativo e divertido o suficiente para chamar a atenção de seus clientes.

Conclusão: usando conteúdo interativo em sua estratégia

Como você pode ver, o conteúdo interativo é uma excelente maneira de atrair novos clientes e dar a eles o que falar. Se sua empresa ainda não está engajada nesse tipo de marketing, agora é o momento perfeito para começar a pensar nas opções possíveis para sua próxima campanha.

Claro, a equipe da Rock Content adoraria ajudar você a fazer isso acontecer. Nós gravamos um webinar com informações sobre como o conteúdo interativo pode trazer ótimos resultados para sua estratégia. Confira!

The post Um guia prático para fazer você construir uma experiência de marca interativa appeared first on Rock Content – BR.

Fonte do artigo:

Rock Content – BR

Leia o artigo original clicando no link abaixo:

Read More

Leia Também

Postagens relacionadas em nosso Blog sobre Design, SEO, Marketing e Tecnologia.