E-mail: rafael@turbineseusite.com.br   |   Telefone: (41) 99521-8611

Suporte 24/7

“Por que meu blog não aparece no Google?” Descubra agora!
17 de novembro de 2021

Quantas vezes você já não se perguntou: “por que meu blog não aparece no Google?“, não é mesmo? Essa é uma dúvida normal para quem acabou de criar um blog e está em busca de maior destaque e relevância na internet.

O que muita gente não entende é que se trata de um trabalho voltado para o médio e longo prazos, além de exigir muita cautela durante o seu planejamento. Afinal, os scripts de bot do Google rastreiam todos os conteúdos publicados na internet para avaliar uma série de fatores que vão resultar em uma avaliação.

Ou seja, não basta produzir materiais de qualidade ou utilizar as principais técnicas de SEO (Search Engine Optimization). É necessário ter cuidado com todos os detalhes para conseguir um lugar de destaque em uma página de resultados.

Você já está investindo na sua estratégia de Marketing de Conteúdo e os resultados ainda não aparecem como imaginava? Sem problemas, vamos ajudar a desvendar o que está atrapalhando a sua performance. Continue a leitura deste artigo para conferir quais são os motivos que podem prejudicar o rankeamento do seu blog no Google!

Cachê desatualizado

Apesar de raro, trata-se de um problema simples de ser resolvido: o cachê desatualizado. Pode ser que a sua página não consiga fazer a leitura de publicações novas, com o navegador não verificando essa atualização. A ideia, então, é fazer a atualização da página para que o cachê siga esse procedimento.

Publicação em rascunho

A desatenção também pode ser um dos motivos para que o seu blog não apareça no Google. Isso mesmo, produzir um conteúdo e, simplesmente, se esquecer da sua publicação. Deixar o conteúdo em rascunho acontece mais vezes do que você pode imaginar, mas é um erro que pode atrapalhar a sua estratégia de criação de conteúdo, impactando os seus resultados, também.

Blog novo

Outro aspecto importante que você precisa entender é o perfil de cada estratégia. Ao investir em mídia paga, por exemplo, a tendência é que você consiga bons resultados em um curto período de tempo. Em contrapartida, você precisou aportar mais recursos, não é mesmo? Já com o Marketing de Conteúdo, o tempo é outro motivo comum para justificar um rankeamento ainda não tão bom.

Trata-se de uma técnica voltada para o médio e longo prazos. Dessa forma, é natural que um blog recém-criado demore certo tempo até aparecer entre os primeiros resultados de uma SERP.

Afinal, são muitos concorrentes e a relevância é uma questão fundamental para conseguir se destacar. Isso só vai melhorar com o passar do tempo e a publicação constante de novos conteúdos.

Não se esqueça: entender o algoritmo do Google vai ajudar bastante na hora de identificar alguns erros que impedem o melhor rankeamento do blog. Um dos tópicos mais importantes é, justamente, construir relevância dentro do seu segmento. Quanto mais os usuários conhecerem e confiarem, maiores são as chances de conseguir um lugar de destaque no buscador.

Qualidade do conteúdo

A qualidade do que você publica é outro tópico fundamental para quem deseja um rankeamento satisfatório no Google. Por mais que todas as outras estratégias sejam feitas de forma eficiente, dificilmente os resultados vão aparecer se os textos publicados não forem tão bons. Por isso, invista em uma equipe capacitada para produzir em alto nível e de forma relevante para os seus visitantes.

Violação de direitos autorais

A internet está repleta de conteúdos, não é mesmo? Se você fizer uma pesquisa simples, vai encontrar muitas páginas om endereços para uma série de blogs, sites e landing pages.

Um dos fatores que diferenciam cada um desses resultados é a qualidade e a originalidade dos conteúdos. Quando você não tem os resultados que espera, portanto, pode ser que tenha ocorrido alguma violação de direitos autorais.

Todos os conteúdos do seu blog precisam ser originais, sempre. Lógico que isso não impede você de fazer referências, citações ou até links com conteúdos com a assinatura de outros autores. Mas é preciso produzir o material que você está disponibilizando, o que se trata de um grande desafio, já que muitos temas são abordados em diversos blogs, certo?

Mas o algoritmo do Google logo percebe quais são aquelas páginas que publicaram primeiro certo conteúdo, e as outras que estão apenas replicando. Isso é a pior maneira para perder relevância dentro do buscador. Dessa forma, mesmo que a experiência de navegação seja positiva, o seu blog vai perder em confiabilidade, afetando o seu rankeamento.

Site lento ou pesado

A experiência do usuário precisa ser avaliada em todos os pontos de contato entre uma empresa e os usuários, certo? Isso não é diferente quando se fala em ter um blog. Cada detalhe tem extrema importância, afinal, o que o Google mais quer é garantir que quem estiver usando os seus serviços consiga conteúdos de qualidade relevante, e consigam navegar sem problemas.

De acordo com informações do próprio Google, cada segundo a mais para que uma página carregue pode significar o aumento na taxa de rejeição. Sendo assim, um dos motivos para o seu blog não aparecer nos primeiros resultados na SERP pode ser a lentidão de carregamento. Imagens muito pesadas e site não pensado para a versão mobile, por exemplo, estão entre os muitos erros que podem gerar essa dor de cabeça.

Por isso, é fundamental que você crie o seu blog em um servidor confiável e utilize boas práticas de SEO para garantir que a navegação seja satisfatória. Muito cuidado ao utilizar recursos muito pesados, como imagens em altíssima qualidade, que podem parecer uma boa ideia, mas que acabam atrapalhando toda a performance das suas páginas.

Uso de palavras-chave irrelevantes

Para ser preciso e alcançar bons resultados de rankeamento no Google, um ponto que você não pode errar é a escolha das palavras-chave. De nada adianta produzir um conteúdo de alta qualidade se, na prática, você não está utilizando os termos que realmente são relevantes para o lead que você deseja atrair para o seu blog.

Uma dica importante é fazer uma série de pesquisas sobre os termos mais buscados dentro do segmento de atuação da sua empresa. Afinal, existe uma grande diferença entre um conteúdo com a palavra-chave “por que meu blog não aparece no Google” e outro com “como rankear no Google”. No final das contas, o que os usuários estão buscando é a mesma coisa: dicas para rankear melhor, mas a busca é diferente.

Sendo assim, se você não está utilizando os termos que os leads estão, a tendência é que outras páginas consigam um lugar de maior destaque na SERP. Isso é o que torna tão importante o trabalho prévio de análise e procura da palavras-chave. Usar termos irrelevantes para a audiência que você quer impactar não vai gerar o número de visitas que você espera para o seu blog.

Posts com spam

Um termo muito comum dentro do email marketing é o spam, que você, provavelmente, já ouviu falar, certo? Mas eles também podem ser prejudiciais para ter um melhor rankeamento no Google.

Afinal, o bot consegue identificar aqueles conteúdos que realmente são valiosos para os usuários, e um texto com spams pode até atrair visitantes com um título bem feito e a palavra-chave certa, mas não vai rankear bem.

Além disso, o spam acaba afastando os usuários rapidamente. Imagine que alguém clicou na sua página, mas abriu o conteúdo e viu que não tinha nada que o interessasse. Essa pessoa sai rapidamente e contribui para aumentar o seu bounce rate. Isso significa que mais um indicador importante foi prejudicado, e o seu blog vai ter um posicionamento ainda pior no Google.

Agora que você já sabe a resposta para a dúvida “por que meu blog não aparece no Google”, é importante entender que esse é um trabalho constante. Isso significa que os bons resultados em um período não garantem a relevância por muito tempo. É preciso produzir conteúdos relevantes constantemente, acompanhar seus resultados pelo Google Analytics e garantir que todas as melhores práticas sejam colocadas em ação para sempre ter um lugar de destaque no Google.

Outro motivo para que as suas páginas não tenham um maior destaque pode ser a qualidade dos conteúdos. Mas aprender novas técnicas e estratégias nunca vai ser um problema, não é mesmo? Então, baixe o nosso material gratuito e descubra como fazer um blog post que ranqueia, encanta e converte!

The post “Por que meu blog não aparece no Google?” Descubra agora! appeared first on Rock Content – BR.

Fonte do artigo:

Rock Content – BR

Leia o artigo original clicando no link abaixo:

Read More

Leia Também

Postagens relacionadas em nosso Blog sobre Design, SEO, Marketing e Tecnologia.